Minha Metamorfose!...
Thais S. Francisco
"beijaflor"




Um longo tempo
fiquei no casulo.
Tão só, tão triste...
Tantas dores...
Tanta solidão!...

Chegou um tempo,
em que parecia não me caber mais.
Um aperto, quase a me faltar o ar.
Eu precisava me libertar!...

Um fio de luz reluziu lá de fora.
Apenas uma pequenina fresta.
Precisei coragem para lutar,
e escancarei a pequenina fresta!...

O medo do desconhecido era tamanho.
Mas, pela fresta já aberta,
aos poucos, fui saindo
Corpo úmido, dorido, cansado...

A luz, que do casulo eu via,
era o brilho do Sol
que, com seu calor, meu corpo secou.
O peso se desfez, tornei-me leve,
senti que tinha asas... poderia voar!...

Ahhh... como são lindas minhas asas!...
Entendi que posso voar agora!
Livre, solta pelo ar...

Deu-se então a Metamorfose:
deixei de ser uma insignificante lagarta
para ser eu mesma... liberta das dores e da solidão!...

Eu, timidamente...

Livre, para Voar!...
Para Viver!...
Para Amar!...
Livre, para ser Amada!...

Thais S Francisco " beijaflor "
Em devaneios de um tempo...
...tempo de Metamorfosear!...

26/03/09







Bailarina
Thais S. Francisco
"beijaflor"




Me vesti de bailarina,
quis bailar por entre as letras,
para buscar entre todas
aquelas que mais poderiam dizer
do meu Amor por você!...

Ajustei as sapatilhas,
saí bailando, na ponta dos pés.
Rodopiei em grande estilo
o "pas de deux" com perfeição,
me fez estar por entre as letras
e delas, colher uma canção!...

Uma aqui, outra acolá,
sem perder dos passos o compasso,
seguindo a melodia, pés no palco,
pensamentos nas nuvens,
a buscar em letras douradas
o nome do meu Amor!...

A melodia vai chegando ao seu final.
Nos passos lentos da coreografia,
vou terminando meu bailado
e, do sonho que sonhei, enquanto
no palco dancei, não trouxe
as letras que busquei, mas
deixei que o sonho
tatuasse em góticas letras,
teu nome... em meu coração!...







Despedida
Thais S. Francisco
"beijaflor"




O que eu mais temia da vida,
era o momento da despedida.
Tentei fazer de tudo o mais certo,
para que esse momento
eu nunca sentisse de perto!...

Caminhei, lado a lado,
no mesmo compasso dos teus passos.
Vez ou outra, teus passos se adiantavam aos meus,
mas, ligeira, te alcançava novamente.
Mãos dadas, segurava firme,
para não te perder, quando mais
ligeiro era teu caminhar!...

Um dia, soltaste minhas mãos,
dizendo que já era tempo de caminhar
sozinha... e eu caminhei,
mas sem nunca te perder de vista
neste meu novo caminho a seguir!...

Segurei, então, em outras mãos.
Acertei o compasso dos passos, com
certa dificuldade... eram diferentes dos teus.
Consegui, então, cadenciar os passos
em novos caminhos seguidos,
mas sem nunca deixar de
tocar tuas mãos, buscando
a coragem e teus ensinamentos!...

Segui... dei minhas mãos,
para que outras pequeninas mãos
se segurassem às minhas.
Acalmei meu caminhar, para que
pequeninos pés, acertassem o compasso
de seu caminhar, junto ao meu!...

Seguimos por longo tempo assim, mas
não deixei de levar esses pequeninos passos
a conhecer os teus, que eram firmes e seguros.
Te amaram! Deixaram suas pequeninas mãos,
bem seguras, dentro das tuas!...

O tempo passou e, sem nos perguntar
se assim o queríamos, caminhou depressa...
Tão depressa que me levou até onde eu
não queira estar, e sentir então:
" O momento da Despedida"!

Precisavas seguir por um outro caminho.
Mãos soltas, no teu próprio compasso,
na cadência dos que voltam,
após cumprir a predestinada jornada!...

Seguiste, então,
numa Despedida silenciosa.
Soltaste minhas mãos, mas
não te soltei do meu coração,
Pai!...


Thais "Jacuí - Beijaflor"
28/09/2008

Um desabafo de alma, homenageando
meu amado Pai, Rubieen, que se fez
estrela já há 26 anos, e a saudade
bate forte, em cada pulsar do meu coração!
"...sua bênção Papai"








Minhas Palavras
Thais S. Francisco
"beijaflor"




Sentimentos guardados
Sufocados em minha alma
Procurando as palavras
Para poderem se pronunciar...

Sentimentos de Amor
Por alguém que não me sente
Sentimentos de Paixão
Por alguém que se faz ausente

Minhas palavras ficam mudas
Diante deste teu distante olhar
Guardo todas em meu peito
Todas elas querendo falar

Como dizer em palavras
Sentimentos puros de Amor
Para alguém que a me olhar
Parece não me enxergar.

Minhas palavras em silêncio
Revelam-se em meu olhar
Na esperança que consigas decifrar
Minha vida querendo te Amar!

10/12/2003







Longe de Ti...
Thais S. Francisco
"beijaflor"




Longe de ti,
o Sol, com sua luz e calor,
não consegue me aquecer...
A Lua, inspiração dos apaixonados,
apenas entristece meu anoitecer...
As estrelas que salpicam de luzes o firmamento,
tornam-se fragmentos de minha solidão...
A melodia romântica que embala os amores,
torna-se um triste lamento de saudade...

Longe de ti,
o cantar dos pássaros, que alegra o amanhecer,
torna-se o réquiem de minha dor, na falta de teu amor...
O colorido da vida em lindo arco-íris,
descolore-se, banhado pelas lágrimas
que vertem de meu olhar...

Longe de ti,
apenas meus dedos tornam-se ágeis,
a dedilhar, neste teclado, meu apelo em forma de email:

- Vem, Amor,
traga contigo a alegria,
o amor de meu amor.
o calor dos braços teus a estreitar-me contra teu peito,
o ritmar de meu coração, no compasso do teu,
o êxtase do amor paixão, o misturar do mel,
o descansar em lençóis macios, impregnados
com o perfume do nosso amar...

Vem, Amor!... Não te demores...







Dança Comigo... Este Bolero?
Thais S. Francisco
"beijaflor"




Vem... dança comigo este bolero
Conduze-me suavemente
nestes acordes, estreita-me
em teu peito, cola teu rosto ao meu,
troquemos em sussurros nossas
promessas de Amor!

Vem... divide comigo a magia
que este bolero provoca,
no compasso destes passos,
deixando desejos à flor da pele,
lábios tão pertos em sussurros
que se calam num
doce beijo apaixonado.

Vem, deixemos o compasso nos levar,
na doce magia deste bailar,
cadenciando nossos sentidos
nos românticos acordes
deste bolero.
Vem?...





Visite Thais S. Francisco em:

http://www.codinomebeijaflor.com/

http://www.simplesmentebeijaflor.com/

 

 

 

 

 

 

  Anterior    

  Próxima   

 

 
 

Para receber nosso
Boletim de Atualizações
cadastre seu e-mail

AQUI

Gostaria de traduzir
esta página?
Então clique

AQUI


 

 

  Site Editado em Maio de 2006
 Copyright
© 2006 - Marise Ribeiro
 Todos os direitos reservados.
 Proibida a cópia total ou parcial deste site.
 
 
 Quando não constar qualquer observação
 sobre a autoria das imagens usadas neste site,
 considere que foram capturadas na Internet
ou em grupos de trocas virtuais,
 sendo portanto de uso sem restrições.
 
Visualização Padrão 1600x900

Webdesigner Drica Del Nero até Maio/2011

Webdesigner Marise Ribeiro

Página inserida em Maio/2006
e reformatada em Novembro/2013

Crédito
Midi Dreams