Marise Ribeiro
 


Estou só... de ti... de mim...
Nem eu mesma me suporto assim,
escutando meu pranto
a ecoar no vazio
e olhando este meu corpo abandonado
feito terreno baldio.

Falta o desejo explodindo,
depois a bonança surgindo...
Falta o teu peito a me dar segurança,
nossa satisfação entrelaçada em lassidão,
esperando o reacender da paixão.

Há o silêncio do teu sussurro
excitando-me ao ouvido.
Tua mão saliente e curiosa,
avivando meus sentidos,
está ausente.

Falta o homem, o amante, o amigo,
não há mais teu sorriso comigo,
não há mais nossos passeios noturnos,
nossos jantares à luz de velas,
só há solidão em nosso abrigo.

Não há mais nada aqui...
Não há mais nada em mim...
Só a saudade de ti.


09/09/05






 



 

 



 


 
 

Para receber nosso
Boletim de Atualizações
cadastre seu e-mail

AQUI

Gostaria de traduzir
esta página?
Então clique

AQUI



 

 

  Site Editado em Maio de 2006
 Copyright
© 2006 - Marise Ribeiro
 Todos os direitos reservados.
 Proibida a cópia total ou parcial deste site.
 
 
 Quando não constar qualquer observação
 sobre a autoria das imagens usadas neste site,
 considere que foram capturadas na Internet
ou em grupos de trocas virtuais,
 sendo portanto de uso sem restrições.
 
 Visualização Padrão 1600x900

Webdesigner Drica Del Nero até Maio de 2011

Webdesigner Marise Ribeiro

Página inserida em Maio de 2006
e reformatada em Julho de 2013.

Créditos
Tubes Ana Ridzi e Nikita
Midi Andre Sperling - Por Ti