Manhã de Outono

Marise Ribeiro



Uma chuva fina e intermitente
encontra-me só e indiferente,
olhando pela janela entreaberta
o mundo que lá fora desperta.

De repente, um piado renitente
chega até meu coração doído,
então desperto subitamente
e acudo um pássaro caído.

Estava molhado e com frio,
levando alimento ao ninho
que descubro, para minha surpresa,
na varanda, embaixo da mesa.

Com cuidado e atenção
cuidei daquela família
que não me deixou mais só,
adotando-me como filha.


03/05/05







 



 

 



 


 
 

Para receber nosso
Boletim de Atualizações
cadastre seu e-mail

AQUI

Gostaria de traduzir
esta página?
Então clique

AQUI



 

 

  Site Editado em Maio de 2006
 Copyright
© 2006 - Marise Ribeiro
 Todos os direitos reservados.
 Proibida a cópia total ou parcial deste site.
 
 
 Quando não constar qualquer observação
 sobre a autoria das imagens usadas neste site,
 considere que foram capturadas na Internet
ou em grupos de trocas virtuais,
 sendo portanto de uso sem restrições.
 
 Visualização Padrão 1600x900

Webdesigner Drica Del Nero até Maio de 2011

Webdesigner Marise Ribeiro


Página inserida em Maio de 2006
e reformatada em Julho de 2013.