Despedida...

Marise Ribeiro
 


Sinto que a vida se esvai
E as dores que me arrancam ais
Festejam ao som das guitarras,
Cravando ainda mais suas garras...

Saudade do passado me chega...
Tristeza por dentro se aconchega...
Olho as fotos de um tempo
Que se perdeu no meu tormento.

Cristais da vidraça... embaçados,
Escorrendo lágrimas da vida,
São iguais aos meus olhos cansados,
Ao fitarem a luz já esmaecida...

Minha alma muda e quieta,
Pelos espinhos da aflição, ferida,
Não sente mais a acolhida
Dos febris versos da poeta.

Ah, triste adeus este meu!
Agora que tudo se perdeu,
Deixei a música do amar
Também em mim se calar!...


04/12/07






 



 

 



 


 
 

Para receber nosso
Boletim de Atualizações
cadastre seu e-mail

AQUI

Gostaria de traduzir
esta página?
Então clique

AQUI



 

 

  Site Editado em Maio de 2006
 Copyright
© 2006 - Marise Ribeiro
 Todos os direitos reservados.
 Proibida a cópia total ou parcial deste site.
 
 
 Quando não constar qualquer observação
 sobre a autoria das imagens usadas neste site,
 considere que foram capturadas na Internet
ou em grupos de trocas virtuais,
 sendo portanto de uso sem restrições.
 
 Visualização Padrão 1600x900

Webdesigner Drica Del Nero até Maio de 2011

Webdesigner Marise Ribeiro

Página inserida em Fevereiro de 2008
e reformatada em Julho de 2013.

Créditos
Tube Ana Ridzi e Nikita
Midi Guitarra Portuguesa