Castelo dos Sonhos

Marise Ribeiro



Corpo, por que trancaste a alma em tua fria masmorra?
Por que deixaste teus carrascos lhe vedarem a inspiração?
Será que ao tirares seu alimento esperas que ela morra
e tu saias vencedor nessa inútil competição?

Ah! Corpo, se soubesses a alma que te habita,
não a maltratarias com lancinantes dores;
se soubesses o quanto com a poesia ela volita,
só lhe ofertarias da vida os delicados sabores.

A carne por paixões se contorce e clama,
a pele transpira e exala o desejo interno,
mas é a alma que, se não quiser, não ama,
o que da essência ela levará para o Eterno.

Por isso, de teus algozes olhos, a alma só quer ver,
não o pranto e a destruição da guerra,
nem a fome e as doenças que eles não conseguem esconder,
mas sim o surgir do amor unindo toda a Terra.

Que tuas frias mãos a façam sentir o toque da ternura,
a satisfação de um trabalho completado,
a ajuda ao próximo conduzindo-lhe a quentura
de se saber quando tu, corpo, fores abraçado.

Que teus dolentes pés não fraquejem e a levantem,
quando algum empecilho a fizer desanimar...
Junto com a música e com ela dancem
os sons das canções que a ajudarão a se enlevar.

Aguça teus moucos ouvidos à melodia da natureza,
às vozes que só lhe tragam a verdade,
ao “obrigado” respondido a uma gentileza,
ao “eu te amo” dito com a boca da sinceridade.

Acorda dos incolores sonhos a alma adormecida,
liberta teus carrascos condutores ao sublime e ao belo,
porque bens sabes: antes que ela se dê por vencida,
deixará, envelhecido e em ruínas, o que já foi o seu castelo.


29/07/06







 



 

 



 


 
 

Para receber nosso
Boletim de Atualizações
cadastre seu e-mail

AQUI

Gostaria de traduzir
esta página?
Então clique

AQUI



 

 

  Site Editado em Maio de 2006
 Copyright
© 2006 - Marise Ribeiro
 Todos os direitos reservados.
 Proibida a cópia total ou parcial deste site.
 
 
 Quando não constar qualquer observação
 sobre a autoria das imagens usadas neste site,
 considere que foram capturadas na Internet
ou em grupos de trocas virtuais,
 sendo portanto de uso sem restrições.
 
 Visualização Padrão 1600x900

Webdesigner Drica Del Nero até Maio de 2011

Webdesigner Marise Ribeiro

Página inserida em Agosto de 2006
e reformatada em Julho de 2013.

Créditos
Tube Tocha
Mask Edge Pattern
Midi Ernesto Cortazar - Whit You