Inspiração
Marise Ribeiro




Voa o poeta pelos encantos
da natureza em festa,
compondo belezas poéticas
quando a alma se manifesta.

Frequenta a cama dos amantes,
penetra em seus sentimentos,
transforma em poesia emotiva
a beleza dos corações sedentos.

Navega no mar dos delírios,
no submundo da vida,
e consegue ver riqueza
mesmo na dor da pobreza.

Ao coração do poeta
não há hora, tema ou lugar,
para explodir em belezas
quando a inspiração chegar.



22/07/05

 

 

Sentindo Inspiração
Raquel Caminha Matos
(Lindinha)





Escolhi esse caminho, aqui tudo brilha,
o sol nasce mais cedo, me encanto.
Admiro o vôo dos pássaros, seguindo a trilha,
e me envolvo ouvindo o seu canto.

Vejo-me levemente bailando,
o pensamento me traz saudade... saudade
do amor de mãos dadas andando,
por esses caminhos bem longe da cidade.

O poeta tem todo direito de imaginar.
Ele sente a presença do amor idealizado,
é um sonhador nato, um romântico, pode criar,
e na imaginação o ver realizado.

Seu barco é o coração,
navegando o conduz ao amor
ele receia, tem medo da desilusão,
mas rema forte mostrando seu vigor.


 


 

 

 

  Anterior    

  Próxima   

 

 
 

Para receber nosso
Boletim de Atualizações
cadastre seu e-mail

AQUI

Gostaria de traduzir
esta página?
Então clique

AQUI


 

 

  Site Editado em Maio de 2006
 Copyright
© 2006 - Marise Ribeiro
 Todos os direitos reservados.
 Proibida a cópia total ou parcial deste site.
 
 
 Quando não constar qualquer observação
 sobre a autoria das imagens usadas neste site,
 considere que foram capturadas na Internet
ou em grupos de trocas virtuais,
 sendo portanto de uso sem restrições.
 
Visualização Padrão 1600x900

Webdesigner Drica Del Nero até Maio/2011

Webdesigner Marise Ribeiro

Página inserida em Julho/2006
e reformatada em Outubro/2013

Créditos
Tubes Marise Ribeiro, DBK e Ket
Midi Richard Clayderman - A Special Medley