Amor Distante
Rui Pais




Pensei no meu amor ausente
Ele também pensou em mim…
Era uma separação gigante
Plantado nesse mar sem fim!

Passeando numa praia…
Ela apanhava conchas
No rebentar das ondas…
O Sol no horizonte
Queimava-lhe a fronte…

Senti uma forte comoção
E vontade de a beijar…
Mas era um sonho distante
E eu não a podia abraçar…



Portugal - 13/06/2003

 

 

Desterro
Marise Ribeiro




Do lado de cá do oceano,
Contigo fico sonhando...
Cada vez aumentando o desengano
De não o ter me abraçando.

Estou só e isolada em outra Terra.
Verto lágrimas ao lembrar de nossa aldeia...
Meu coração teu nome berra
E o som do mar sufoca-o na areia.

A saudade me tem como prisioneira,
Sinto-a cortar-me como açoite.
O horizonte é intransponível barreira
Que tento derrubar dia e noite.

Vejo uma gaivota emigrando
E uma confissão faço a ela:
Que a morte vivo ansiando,
Para minh'alma libertar-se desta cela.



01/02/06


 


 

 

 

  Anterior    

  Próxima   

 

 
 

Para receber nosso
Boletim de Atualizações
cadastre seu e-mail

AQUI

Gostaria de traduzir
esta página?
Então clique

AQUI


 

 

  Site Editado em Maio de 2006
 Copyright
© 2006 - Marise Ribeiro
 Todos os direitos reservados.
 Proibida a cópia total ou parcial deste site.
 
 
 Quando não constar qualquer observação
 sobre a autoria das imagens usadas neste site,
 considere que foram capturadas na Internet
ou em grupos de trocas virtuais,
 sendo portanto de uso sem restrições.
 
Visualização Padrão 1600x900

Webdesigner Drica Del Nero até Maio/2011

Webdesigner Marise Ribeiro

Página inserida em Outubro/2006
e reformatada em Outubro/2013

Créditos
Tubes - Aclis, Luz Cristina e Criss
Midi Ernesto Cortazar - Blue Waters